Guia completo sobre Vírus do Papiloma Humano (HPV)

Resultado de imagem para HPV

O que é HPV?

O vírus do papiloma humano (HPV) provoca verrugas comuns, pequenos crescimentos de pele, que podem ter coloração branca, castanha ou bege, e que podem surgir em diversos locais do corpo humano, como genitais, boca e mucosas.

Tipos de HPV

Existem mais de 150 tipos diferentes de HPV, cada um atingindo determinada parte do organismo.

Alguns tipos de HPV geram verrugas pequenas, que não doem e são superficiais, especialmente na região das mãos e rosto.

Outros tipos de HPV acarretam verrugas grandes, doloridas e que podem surgir até mesmo na sola dos pés.

Há dezenas de tipos de HPV distintos, os quais afetam pele, órgãos sexuais, útero e ânus.

Infecções por HPV são comuns

Resultado de imagem para HPV

As infecções por HPV são muito comuns. Estima-se que 80% dos adultos sexualmente ativos terão infecção por HPV durante a vida. Em grande parte dos casos tais infecções não geram sintomas, mas apenas verrugas genitais.

Nas mulheres, alguns tipos de HPV geram problemas no colo do útero, que podem acarretar câncer de colo de útero. O HPV também pode gerar câncer de ânus, vulva, boca, garganta e outros.

Os subtipos de HPV 16 e 18 são as causas da maioria dos cânceres. Os tipos de HPV 6 e 11 causam a maioria dos casos de verrugas genitais.

HPV transmissão

Resultado de imagem para HPV

O vírus do papiloma humano, em regra, é espalhado por contato direto com a pele. Também é possível ao toque ou por contato sexual. Em regra, o HPV pode ser passado por pessoas sem sintomas. Mas caso o parceiro tenha verrugas sexuais, o risco é maior ainda.

Depois da contaminação, uma pessoa pode levar de 3 a 4 meses para apresentar os sinais de infecção. Há casos em que as verrugas se manifestam após até 24 meses do contato.

Sintomas do HPV

O HPV nem sempre gera sintomas. No entanto, é possível apresentar as verrugas.

  • Verrugas comuns: podem aparecer nas mãos, rosto, pele ou cabeça. São bem pequenas, firmes, não doem e são redondas. A superfície parece uma couve-flor.
  • Verrugas planas: não coçam e podem ser encontradas na face, colo, seios, pulsos e mãos.
  • Verrugas plantares: são grossas e doem. Podem aparecer em toda a pele ou na sola dos pés. São confundidas com calos.
  • Verrugas genitais: são de cor rosada, ásperas e parecem uma couve-flor. Nos homens aparecem na ponta do órgão genital, uretra e ânus. Nas mulheres, nos lábios e na vagina.

HPV e câncer

O câncer causado pelo HPV nem sempre causa sintomas. Mas, em caso de câncer, podem aparecer os seguintes:

  • Câncer de colo do útero: manchas depois do ato sexual, sangramento vaginal incomum e dor.
  • Câncer de boca: dor na língua ou boca.
  • Câncer de ânus: sangramento, coceira ou dor.

Diagnóstico do HPV

O diagnóstico pode ser feito em exame da área afeta pelo seu médico. As verrugas não precisam passar por biópsia, em regra.

Preservativo e HPV

Os preservativos ajudam a diminuir o risco de infecção por HPV. No entanto, o vírus pode estar em áreas não afetadas pela camisinha, como pele ao redor do órgão sexual, ânus, boca etc.

Papanicolau e HPV

Imagem relacionada

Um dos exames que pode diagnosticar o HPV é o Papanicolau, especialmente em casos das cepas que causam câncer de útero.

Nos homens, em regra, o HPV pode nem sequer poder ser constatável a olho nu. Muitas vezes os homens não apresentam nem mesmo verrugas ou sintomas.

Assim, é difícil saber quando se está infectado por HPV ou não, a depender da idade, sexo, saúde, alimentação, hábitos do dia a dia, dentre outros.

Contudo, o HPV exige cuidados. A prevenção sempre é o melhor remédio, aliás.

Duração do HPV no organismo

Muitas vezes, verrugas somem sozinhas, em 12 até 24 meses. Outras não. Também é possível que mesmo tratadas e retiradas as verrugas voltem.

Já para mulheres diagnosticadas pelo Papanicolau, deve-se fazer acompanhamento acirrado com o ginecologista de sua confiança, para verificar a extensão dos danos do HPV ao colo do útero.

Prevenção/ Vacina HPV

Resultado de imagem para cancer de colo de utero

Há intensa campanha de vacinação de crianças, adolescentes e adultos para o HPV. Pelo Sistema Único de Saúde – SUS, a vacina do HPV é dada a crianças e adolescentes, apenas. São 3 a 4 doses da vacina para se tomar a cada 6 meses.

No entanto, você pode se vacinar em clínicas de imunização particulares.

Quem já foi infectado pode prevenir infecções de tipos diferentes de vírus com a vacina.

Tratamento do HPV

Pomadas, loções e remédios são usados para tratar verrugas. Ou, ainda, pode-se:

  • Tirar as verrugas por cirurgia
  • Cauterizar a verruga

Estresse e depressão podem piorar HPV

Uma pesquisa realizada em 2016 demonstrou que o estresse e a depressão desempenham um papel importante na questão de saber se uma mulher com papilomavírus humano (HPV) pode se livrar de sua infecção ou não. O HPV que permanece no sistema de uma mulher eventualmente pode levar ao câncer cervical.

As mulheres que bebiam, fumavam cigarros, usavam drogas tinham mais propensão de o HPV piorar. Aquelas que tinham quadros de depressão também.

Esse tipo de pesquisa já havia sido feita com herpes e câncer, os quais também pioraram seus quadros quando do uso de substâncias abusivas.

Como vimos, as infecções por HPV são muito comuns. Poucas pessoas têm infecções permanentes ou correm risco de sofrerem de câncer cervical.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar
  Subscribe  
Notify of